A PARTIR DO DIA 17: Em meio à pandemia, trabalhadores dos Correios entram em greve


Funcionários pedem pela manutenção de direitos trabalhistas, que foram suspensos em julho

Os funcionários dos Correios de Mato Grosso aderiram à greve nacional e devem paralisar as atividades a partir do próximo dia 17 de agosto.

Conforme o diretor jurídico do Sindicato dos Trabalhadores dos Correios de Mato Grosso (Sintect-MT), Alexandre Aragão, a empresa suspendeu o Acordo Coletivo de

Trabalho, que garantia os direitos trabalhistas aos funcionários.

“Isso funciona há cerca de 40 anos e vencia em 2021. Mas fomos surpreendidos com a mudança de vencimento para julho deste ano. A partir de agosto, os trabalhadores estão sem direitos”, afirmou.

Segundo Aragão, não era de interesse da categoria fazer greve neste momento de pandemia. No entanto, ele afirmou que a empresa não deixou outra escolha.

Nos próximos dias, o Supremo Tribunal Federal (STF) julgará se a empresa será obrigada ou não a respeitar a vigência do acordo.

BIANCA FUJIMORI
MÍDIA NEWS

Postagem Anterior Próxima Postagem