Atriz de Brooklyn 99 critica versão canadense da série; veja motivo!


A estrela de Brooklyn 99, Melissa Fumero, que interpreta a personagem Santiago, criticou o remake canadense da série, intitulado Escouade 99, pela falta de representatividade ao escalar atores brancos para os papéis latinos.
A atriz compartilhou o trailer da versão canadense da série com o texto: “Oh Meu Deus! Isso é como olhar para outra dimensão”.

Depois, ela mesmo respondeu seu post revelando o motivo de sua insatisfação com a produção. “De repente fiquei curiosa sobre a população latina em Quebec”.
A atriz ainda complementou dizendo entender “que a população latina é muito pequena em Quebec, mas os papéis de Amy e Rosa poderiam ser feitos para qualquer BIPOC, por isso, é decepcionante ver essa oportunidade perdida”. O termo BIPOC é utilizado para designar, negros, indígenas e pessoas de cor — Black, Indigenous, People of Color.
Melissa Fumero ainda disse ficar triste com a versão mais sexy de sua personagem Amy. “Amy não é sexy DE PROPÓSITO. Então isso me deixa aborrecida também”.
A insatisfação de Melissa foi apoiada pela intérprete de Rosa, Stephanie Beatriz, que respondeu à mensagem de Melissa com alguns emojis de reprovação.
Melissa Fumero, apesar de nascer nos Estados Unidos, é filha de cubanos. Já Stephanie Beatriz é nascida na Argentina, filha de pai colombiano e mãe boliviana.
A versão canadense de Brooklyn 99 estreia em 17 de setembro na TV do país.

Fontes

Postagem Anterior Próxima Postagem