Coordenador da campanha de Pivetta, Russi chama líderes para debate: "não é candidato dele mesmo"


O deputado estadual Max Russi (PSB) assumiu o cargo de coordenador-geral da campanha do vice-governador Otaviano Pivetta (PDT) para eleição suplementar ao Senado, que está agendada para o dia 15 de novembro. O parlamentar se reuniu com o pré-candidato nesta manhã (5) e já marcou compromissos com outros partidos para o fim de semana.

“O vice-governador Otaviano Pivetta reúne líderes partidários na próxima sexta-feira (7) para retomar a organização da pré-campanha ao Senado. A informação é do coordenador-geral da disputa, deputado Max Russi (PSB). Ele reuniu-se com Pivetta hoje para definir algumas diretrizes”, diz o comunicado encaminhado por Pivetta à imprensa.

Questionado sobre o assunto, Russi apenas garantiu que o vice-governador estará na disputa eleitoral em novembro e que o diálogo com outros partidos e com a sociedade será importante para construir a candidatura.

"O Otaviano Pivetta é pré-candidato ao Senado. Mas, como ele disse: não é candidato dele mesmo. Mas de um grupo, de propostas, de ideias que ele defendeu e defende", disse.

A eleição suplementar para definir quem irá ocupar a vaga da senadora cassada Selma Arruda (Podemos), a princípio, era para ter sido realizada no mês de abril, mas por conta da pandemia do novo coronavírus, precisou ser suspensa e adiada para o mês de novembro, junto com as eleições municipais.

Além de Pivetta, também já mostraram interesse em disputar a suplementar, o deputado federal José Medeiros (Podemos), o ex-deputado federal Nilson Leitão (PSDB), o deputado estadual Elizeu Nascimento (DC), o deputado estadual Valdir Barranco (PT), a coronel da Polícia Militar Rúbia Fernanda (Patriotas) e o empresário Reinaldo Moraes (PSC).

OLHAR DIRETO
Postagem Anterior Próxima Postagem