Márcia diz que apoia Emanuelzinho e que candidatura a faz lembrar de quando chegou em VG há 35 anos


 

Contrariando as críticas que dizem que o deputado estadual Emanuel Pinheiro Neto, o ‘Emanuelzinho’ (PTB), não tem nenhuma ligação com a cidade de Várzea Grande, de onde quer ser prefeito, a primeira-dama de Cuiabá, Márcia Pinheiro, disse que a convenção do filho a fez lembrar de quando chegou à cidade, há 35 anos. Ela disse que irá se dividir entre a campanha do marido para Cuiabá e do filho: “Mãe é mãe”.


Leia também:
Emanuelzinho oficializa candidatura em VG com seis partidos e tem Wiltinho como vice

“Nunca imaginei... vocês sabem que ele ia ser padre, já sabem dessa história faz tempo e de repente...”, declarou. “Ele foi construindo a história dele, como foi pra deputado estadual também. Muita gente falava que a gente estava empurrando, e vocês viram que não. As pessoas puderam depois ver na atuação dele que não, que a gente jamais faria isso”.

A primeira-dama lembrou de sua chegada a Várzea Grande, quando veio do Paraná para Mato Grosso. “O Emanuelzinho hoje tem essa vocação de contribuir com a cidade pra onde a mãe dele veio do Paraná. Hoje eu estava sentada ali, e veio tanta coisa na minha cabeça... que desde 85 morando aqui, depois de 35 anos... votei no Nadir de Oliveira, já trabalhei para outros políticos aqui... ajudei outros políticos a se elegerem, e hoje, 35 anos depois, meu filho sendo candidato aqui em Várzea Grande. Então volta o tempo... eu lembro de tanta coisa de Várzea Grande e de repente estar aqui novamente com essa missão não é fácil, mas por filho a gente faz tudo”.

Para Márcia, essa será a missão de seu filho, a de ‘honrar’ a cidade onde a mãe dele cresceu, e fazer um bom trabalho por Várzea Grande. O candidato do PTB, que tem apenas 25 anos e é atualmente deputado federal, tem Wiltinho, do mesmo partido, como vice, e aliança partidária com o PT, PTC, PSD PTB, PMB e Republicanos.

OLHAR DIRETO
Postagem Anterior Próxima Postagem