Medeiros diz que não será nova Joice e garante que candidatura do coração de Bolsonaro é a sua


Pré-candidato ao Senado, o deputado federal bolsonarista José Medeiros (Podemos) não se abalou com a manifestação de apoio do presidente da República a candidata tenente-coronel Rúbia Fernanda (Patriota) e disse que a candidatura de coração de Jair Bolsonaro (sem partido) é a sua, pela lealdade que tem mostrado desde a eleição de 2018.

O parlamentar também avaliou que o eleitor bolsonarista está acompanhando a sua atuação na Câmara 100% alinhada com o Governo Federal e que já tem a certeza de que ele ao chegar no Senado não será uma nova Joice Hasselmann (PSL-SP), ou um novo Major Olímpio (PSL-SP), que foram eleitos com forte apoio de Bolsonaro em suas campanhas e que se tornaram oposição no ano seguinte.

“Estamos confiantes, temos um público muito ligado ao presidente Bolsonaro aqui em Mato Grosso e todos sabem o trabalho que fiz com o Bolsonaro desde o primeiro turno. Eu estive na casa dele para acompanhar a apuração dos votos, então o eleitor mato-grossense sabe a ligação e quem apoiou ele. Sinto que as pessoas que tem apoiado este Governo querem ter a segurança de que quem for para o Senado vai estar apoiando e votando com o Governo, sem querer ter a surpresa que tiveram com Joice, que nem tiveram com Major Olímpio”, disse o parlamentar, garantindo que a candidatura do coração do presidente da República é a sua.

“Tenho certeza que ele está do meu lado. Ele tentou até a última hora uma composição, pediu para que a coronel revisse, queria colocar ela de vice do Roberto França, mas talvez por ser nova, ela não entendeu, bateu o pé, quis ser candidata e ele não vai obrigar ela a sair. Mas não tenho dúvida que a candidatura do coração dele é a nossa”, destacou.

O deputado, por fim, explicou que manterá o vice-prefeito de Cuiabá Niuan Ribeiro como 1º suplente na chapa e que pode substituir a coronel Zozima Dias dos Santos, que está cotada para ser candidata a vereadora por Cuiabá.

“Estamos fechando. Mudou pouca coisa, estamos tentando colocar a coronel Zozima para vereadora, porque nossa presidente nacional quer muito eleger vereadores e a coronel Zozima é uma quadro extraordinário aqui em Cuiabá. Os partidos precisam de mulheres com um perfil que vá parra competir mesmo, até para não falarem que a mulher vem só para competir. O Niuan continua suplente”, concluiu.

Apoio de Selma

Questionado sobre o apoio da correligionária Selma arruda, Medeiros disse que não deve ter ela no palanque, por ela já ter dado a entender que apoiará outro candidato. "A senadora Selma não sei se vai estar conosco, a tendência é que ela vá com outro candidato. Mas ela não passou isso ainda, só foi o que vi na imprensa".

OLHAR DIRETO
Postagem Anterior Próxima Postagem