Padrasto é preso por estuprar criança de 10 anos que revelou abusos à coordenação de escola em MT


 

Por G1 MT

 



Um homem investigado pelo crime de estupro de vulnerável teve o mandado de prisão cumpridos na tarde desta sexta-feira (25), pela Polícia Civil, em Cuiabá.

Segundo a polícia, o suspeito, de 27 anos, foi alvo de investigação da Delegacia da Mulher de Cáceres, a 220 km de Cuiabá, em setembro de 2019, pelo estupro de vulnerável contra a enteada de 10 anos.

De acordo com as investigações, o homem estuprou a vítima diversas vezes, fato comprovado por exame de corpo delito realizado na criança.

Os fatos foram percebidos pela coordenadoria da escola onde a criança estudava, que percebeu mudanças de comportamentos da aluna, que reclamava de dores na parte debaixo da barriga e chorava com facilidade.

Durante conversa com a menina, ela revelou que estava sendo abusada sexualmente pelo padrasto.

Na delegacia, a garota foi ouvida e deu detalhes que comprovavam os abusos praticados pelo padrasto. Diante das evidências, a delegada Judá Maali Pinheiro Marcondes, representou pelo mandado de prisão preventiva do suspeito, que havia saído da cidade.

Com a ordem de prisão decretada e informações do possível paradeiro do investigado em Cuiabá, a equipe da Delegacia da Mulher de Cáceres entrou em contato com os policiais da capital. O suspeito foi localizado e teve a ordem de prisão cumprida em uma obra em que estava trabalhando, no bairro Bandeirantes.

Postagem Anterior Próxima Postagem