INDENIZAÇÃO DE R$ 50 MIL: Emanuel processa Abílio por usar vídeo como fundo de imagem


 

Candidato à reeleição pede R$ 50 mil de indenização e que os vídeos publicados pelo adversário sejam retirados do ar.


REPORTERMT

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), que é candidato à reeleição, entrou com uma ação de danos morais contra o vereador Abílio Júnior (Podemos), que é adversário na disputa à Prefeitura de Cuiabá, pedindo indenização de R$ 50 mil e que sejam tirados de circulação vídeos publicados pelo vereador, em que aparece o prefeito no fundo. 

Abílio, que em sua gestão de vereador é opositor ferrenho do prefeito, divulgou no fundo de uma vídeo chamada, na Câmara Municipal, e em outras publicações nas redes sociais, imagens de Emanuel, do vídeo em que aparece recebendo maços de dinheiro do então chefe de gabinete do ex-governador Silval Barbosa, Silvio Correa.

No pedido, Emanuel alegou que vem sofrendo com a exposição da sua imagem e que tem sido ridicularizado. 

O documento aponta que Abílio quer prejudicar a reeleição  de Emanuel e chamar atenção. 

“Repito Excelência, o requerente é candidato à reeleição, e por conta disso, o requerido sente que deve expor a imagem do Autor com o intuito de usar a imagem para chamar atenção, o que não foi autorizado pelo mesmo. Todos dependem do direito a imagem, por isso a preocupação do legislador em fazer diversos dispositivos legais falando sobre o direito natural de imagem do cidadão. Ninguém merece ter sua privacidade invadida, e ser ridicularizado publicamente”, argumenta. 

O caso está na 5° Vara Cível de Cuiabá e ainda será apreciado pela Justiça. 

Postagem Anterior Próxima Postagem