CUIABÁ: Com programação suspensa, Cemitério da Piedade tem fluxo de pessoas reduzido




Sem a tradicional programação no Dia dos Finados para evitar aglomerações diante da pandemia da Covid-19, a movimentação nos cemitérios de Cuiabá tem tudo para ser tímida. Na manhã desta segunda-feira (2), a reportagem constatou uma quantidade de pessoas bem menor da encontrada em anos anteriores no Cemitério da Piedade.


Por conta da pandemia, o cemitério da Piedade, Porto e Coxipó da Ponte fizeram algumas alterações e ampliaram o horário de funcionamento desde o dia 26 de outubro, para que os familiares prestassem as homenagens aos entes queridos.

Na Rua Batista das Neves, no Centro Norte da Capital, o fluxo de veículos foi tímido. Além disso, as pessoas seguiram as recomendações e permaneceram pouco tempo nos túmulos. Poucos comerciantes aproveitaram o feriado para fazer vendas de flores e velas.

Vários informativos foram colocados no local informando sobre a obrigatoriedade do uso de máscara e distanciamento social nas dependências. Álcool em gel também foi distribuído na entrada.

De acordo com as Empresas Concessionárias de Serviços Funerários em Cuiabá, representada pela Cuiabana Administradora de Cemitérios, o projeto de finados visa uma recepção acolhedora, com celebrações religiosas, distribuição de lanches, água, flores e panfletos informativos. Por se tratar de um evento realizado nos cemitérios tradicionais, gera um grande número de visitantes e causa aglomeração. Sendo assim, os órgãos sanitários recomendaram a suspenção do projeto do Dia de Finados. 

Durante a semana, os três cemitérios permaneceram abertos das 06h30 às 18h e não fecharam para almoço. Outro fato que pode ser considerado na redução de pessoas é o ponto facultativo no serviço público estadual e municipal na última sexta-feira (30).











OLHAR DIRETO
Postagem Anterior Próxima Postagem