Em lista da Receita, Frical deve mais de R$ 120 milhões; frigorífico tem saldo negativo de R$ 160 milhões




O candidato a prefeito em Várzea Grande, Flávio Frical, soma mais de R$ 120 milhões em dívida registradas na Procuradoria Geral da Fazenda Nacional (PGFN). Informação foi consultada pelo Olhar Jurídico neste sábado (14).


Segundo consulta, R$ 104 milhões são identificados como débitos tributários diversos. Outros R$ 19,8 milhões versão sobre dívida da previdência. Por sua ver, a empresa Frical Frigorífico, propriedade de Flávia, está listada com uma dívida que ultrapassa R$ 165 milhões. A informação sobre o frigorífico também foi consultada no site da Procuradoria Geral da Fazenda Nacional.

O Olhar Jurídico noticiou em outubro sobre uma ação proposta pelo Ministério Público (MPF) contra Flávio Frical. Processo descreve uma rede de laranjas montada visando sonegar impostos. Informações estão disponíveis na Justiça Federal. Há pedido de reparação de danos no valor de R$ 41 mil. 

Frical teria usado como sócios fictícios um operador de máquinas, o próprio filho e um motorista. Segundo os autos, Frical promoveu por anos o esvaziamento patrimonial de seu frigorífico com o intuito de burlar execução fiscal. 

A ação penal por crime contra a ordem tributária (sonegação fiscal) proposta pelo Ministério Público Federal, na qual o Impugnado foi denunciado 55 vezes pelo mesmo crime, há requerimento para fixação de valor mínimo para a reparação dos danos no importe de R$ 41,5 milhões.

OLHAR DIRETO
Postagem Anterior Próxima Postagem