TRAGÉDIA EM FAMÍLIA: Irmão de jornalista assassinado também foi morto a tiros


 

Luiz Carlos Menezes, 45, irmão do comunicador morto no fim de semana, foi vítima de homicídio em janeiro



O irmão do jornalista Ediney Menezes, de 44 anos, morto a tiros no último domingo (15), também foi vítima de execução, no começo deste ano. Os dois crimes ocorreram em Peixoto de Azevedo (691 km ao Norte de Cuiabá) e de forma semelhante: cometidos por bandidos que chegaram de moto e atiraram.

Luiz Carlos Menezes, 45, foi assassinado quando estava no Distrito de União do Norte, no dia 28 de janeiro. Dois criminosos estavam em uma motocicleta vermelha, quando um deles atirou e atingiu a vítima com seis tiros. Na época, um deles foi preso e disse que cometeu o crime a mando de uma facção criminosa.

Já Ediney foi executado com três tiros na cabeça por volta das 22h de domingo (15). Ele estava em um HB20 parado em um cruzamento no bairro Centro Novo, quando dois assassinos se aproximaram em uma moto e o que estava na carona atirou. Câmeras de segurança flagraram o homicídio. Até o momento, ninguém foi preso pelo crime.

O jornalista, que foi ex-apresentador e repórter da TV Mirante, afiliada da Rede Record no município, havia trabalhado na campanha do prefeito Maurício Ferreira (PSD), que foi reeleito no domingo (15). 

 

Leia mais:

Jornalista é assassinado a tiros dentro do carro em MT

Jornalista assassinado trabalhava na campanha de prefeito reeleito

 

Integrantes de facção passam atirando e matam homem no meio da rua

Câmera de segurança grava execução de jornalista em MT; veja o vídeo

Postagem Anterior Próxima Postagem