Empresa não assume serviço e pacientes ficam sem pediatras na Santa Casa de Cuiabá


 

O Hospital Estadual Santa Casa, em Cuiabá, ficou sem pediatras para atender os pacientes na quarta e parte da quinta-feira (16 e 17), porque houve a troca da empresa responsável por fornecer médicos para prestar os serviços. A informação que circula nos bastidores é de que a vencedora do pregão não consegue contratar profissionais por conta do baixo valor oferecido para o plantão.


O pregão realizado pelo Governo do Estado resultou na contratação da empresa de Sinop, ABRT Clínica Médica. A homologação foi publicada no Diário Oficial do Estado do dia 2 de outubro.

Além da Santa Casa de Cuiabá, a ABRT Clínica Médica deve prestar serviços aos hospitais de Alta Floresta, Cáceres, Colíder, Sinop, Sorriso, Rondonópolis e o Metropolitano de Várzea Grande. Todos estão sob gestão da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT).

Segundo apurado pelo Olhar Direto, um médico foi destinado pela empresa para realizar os atendimentos da Santa Casa na noite de quinta-feira (17), pois as mães das crianças estariam aflitas com a situação e teriam levado o caso ao conhecimento da imprensa.

No entanto, a escala de profissionais especialistas não teria sido apresentada. O documento deve ser apresentado até hoje meio-dia e deve constar ao menos três pediatras por plantão.

A SES-MT disse, por meio de nota, que a empresa vencedora da licitação assumiu o serviço de pediatria. Com isso, já estão atuando na unidade de saúde, por meio da nova empresa, médicos pediatras, e outros das especialidades de anestesiologia, infectologia e cardiologia.

OLHAR DIRETO


Postagem Anterior Próxima Postagem